Chegará uma hora em que você terá que decidir o que fará com o dinheiro da sua restituição do imposto de renda. Para te ajudar a se organizar quando a G44 criou este pequeno manual.

Todo ano é assim, a Receita federal realiza os pagamentos da restituição do Imposto de Renda. Essa “devolução” é feita por meio de lotes, com datas estabelecidas. Para muitos esse dinheiro vai direto para quitar dívidas, mas outros utilizam como investimento. A seguir você encontra dicas do que fazer com esse dinheiro. Confira neste post da G44 Brasil.

A maior parte dos consultores financeiros concorda que, para fazer um bom uso do dinheiro recebido, primeiro é necessário pagar dívidas, se houver. Os empréstimos mais caros, como o cheque especial e o rotativo do cartão de crédito, devem ser a prioridade. Isso porque, nenhum investimento vai render mais do que a taxa de juros de uma dívida.

Mas, para quem está com as contas em dia, fazer investimento com dinheiro da restituição é uma boa alternativa. Para aqueles que têm medo de arriscar demais, a sugestão é utilizar o dinheiro em uma aplicação de renda fixa. Já para aqueles que são mais ousados é a hora de aproveitar o mercado de investimentos de renda variável. Confira neste post da G44.

Em 2018, as datas de pagamento dos lotes de restituição do Imposto de Renda foram:

1º lote, 15 de junho;

2º lote, 16 de julho;

3º lote, 15 de agosto;

4º lote, 17 de setembro;

5º lote, 15 de outubro;

6º lote, 16 de novembro;

7º lote, 17 de dezembro.

É claro que nenhuma estratégia é válida quando não se tem apoio e segurança. Aqui na G44 Brasil S.A. temos consultoria para todos os perfis de pessoas e, o melhor, uma equipe de profissionais sempre prontos para te auxiliar a realizar os seus sonhos. Não perca mais tempo, entre em contato conosco e faça mude sua situação financeira!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here